quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Daniel do Sindicato impõe uma derrota vexatória no candidato do prefeito Attié

A vitória acachapante do líder do PSB devolve Luiz Carlos Attié para Brasília ou, quem sabe, Miami

Daniel do Sindicato: missão é eliminar o entulho político e administrativo da gestão de Luiz Carlos Attié

Daniel do Sindicato é um dos principais fenômenos eleitorais do Entorno de Brasília. O líder do PSB foi eleito prefeito de Cristalina enfrentando a máquina da prefeitura, dirigida pelo prefeito Luiz Carlos Attié.

O livro “A Cabeça do Eleitor”, de Alberto Carlos Almeida, informa que prefeitos bem-sucedidos costumam fazer o sucessor. Attié, que não ficará na história de Cristalina como um prefeito qualitativo, não conseguiu fazer o sucessor, aliás, um fracasso eleitoral.

Daniel do Sindicato aliou-se a políticos qualitativos, como a senadora Lúcia Vânia, e obteve uma votação expressiva — 82,40% dos votos válidos.

O postulante bancado por Attié, Maks, do PSD, recebeu apenas 15,40% dos votos válidos. Um vexame, menos de Maks, e sim de Attié, que mais o prejudicou do que o bancou.

A missão de Daniel do Sindicato é tripla. Primeiro, tem de recuperar as finanças da prefeitura. Segundo, terá de reconquistar a confiança da sociedade, pois, sob Attié, a prefeitura ficou distante da comunidade, inclusive dos produtores rurais e empresários em geral. Terceiro, terá de administrar Cristalina para os moradores de Cristalina.

Agora, Attié pode voltar para Brasília ou, quem sabe, Miami.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Melhores da semana