quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Prefeito Fábio Correa se despede do Poder Legislativo de Cidade Ocidental

Fábio relembrou seu primeiro dia como vereador quando, emocionado, fez a promessa de que atenderia todos os dias em meu gabinete e encaminharia todos os pedidos para as secretarias e executivo as demandas que receberia para que pudessem dar andamento

“Com o coração apertado e com uma vontade danada de ficar, mas com outro desafio pela frente, confiado por aqueles que votaram em mim, venho me despedir na última sessão de meu mandato. ” 

Foi assim que Fábio Correa de Oliveira, “filho de peão tirador de leite em fazenda”, Vereador e Prefeito Eleito de Cidade Ocidental, com mais de 11 mil votos, despediu-se de sua última participação como legislador e fiscalizador do município ocidentalense.

Fábio relembrou seu primeiro dia como vereador quando, emocionado, fez a promessa de que atenderia todos os dias em meu gabinete e encaminharia todos os pedidos para as secretarias e executivo as demandas que receberia para que pudessem dar andamento. “E assim o fiz e fiquei feliz. Talvez não tenha resolvido o problema de todos, mas nunca deixei de ter minha porta aberta, nem que fosse para tomar um cafezinho ou uma água e atender com respeito todos os cidadãos que aqui me procuraram. ”

VEREADORES

Sobre seus colegas, Fábio faz uma reflexão. “Olho para trás e vejo o que é ser um vereador. Cada um tem o seu jeito, cada um tem à sua maneira, mas todos representam uma parte da sociedade. Acho que nessa legislatura, todos que por aqui passaram, representaram muito bem. Todos trabalharam, tentaram atender seu eleitor e sua comunidade. ”

“Temos hoje, um Legislativo Municipal que é composto por 15 vereadores que pertencem a partidos iguais ou diferentes, pertencem à suas bancadas, dentro de suas bancadas tem ideias e linhas de raciocínio, dentro disso temos o Presidente, temos a mesa diretora, que discutem e debatem as divergências para chegar às convergências. ”

Fábio Correa pediu aos vereadores reeleitos, àqueles que chegarão à Câmara pela primeira vez e àqueles que retornarão que debatam sobre a cidade, que discutam os problemas e mostrem aquilo que as ruas estão dizendo, mostrar uma outra cara ao povo, “que podem confiar na gente e que daqui a quatro anos as pessoas possam se orgulhar. ”

PREFEITURA

“Imaginei um dia falar para a Exma. Sra. Prefeita, que um requerimento ou um pedido de um vereador, independente se for de A, B ou C, é um pedido e um anseio de uma comunidade, trazendo aquela necessidade local, que eu acho que ela poderia ter feito e não atendido apenas os da base aliada. Por isso, farei o que sempre disse aqui. Claro que temos que atender aquele vereador da base aliada, mas não é por isso que o vereador de oposição vai deixar de ser atendido, com respeito e dedicação, aquele anseio da comunidade. Afinal ele estará trazendo aquilo que ocorre onde eu não estarei. ”

Fábio Correa lembrou que também almejou ser Presidente da Casa, pois assim poderia mostrar seus serviços como gestor da Câmara. Correa também revelou a emoção que sentiu ao ter sido eleito vereador, embora já na casa dos 50 anos. Sentiu a mesma emoção que o Vereador Douglas Martinho sentiu por ser o mais novo em idade na Câmara. Sentiu-se um jovem também, pois era a primeira vez que tinha a oportunidade de servir a comunidade.

Com o coração apertado, Fábio Correa de Oliveira deixa a Câmara após ter sentido a emoção de ser vereador de sua cidade “com vontade de ficar, mas agora tenho um outro compromisso, confiado por aqueles que votaram em mim. ” Correa agradeceu a todos que trabalharam não só em seu gabinete, mas em todos os gabinetes, sempre prestativos e educados com sua pessoa e com os cidadãos que lá iam buscar algum apoio.

“Vou fazer o possível para errar pouco, pois errar é humano. E dentro dos meus erros, podem ter certeza que meu objetivo será acertar.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Melhores da semana