terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Novo sistema de recursos humanos trará economia de R$ 3,7 milhões por mês

Pregão para contratar modelo de gestão mais moderno será em 17 de janeiro. Ferramenta vai permitir verificar a frequência do servidor por meio de ponto eletrônico

Resultado de imagem para recursos humanos
Para modernizar a gestão de pessoal, o governo de Brasília vai adotar um novo sistema único de gestão de recursos humanos (SIGRH). O aviso de pregão eletrônico para contratá-lo está publicado no Diário Oficial do Distrito Federal de segunda-feira (2). A concorrência pública será em 17 de janeiro, e o valor estimado é de R$ 53.444.900,38. O edital pode ser retirado no site de compras do governo federal.

Com base em experiências de outras unidades da Federação (estados e municípios), estima-se que a substituição resulte em uma redução de até 3% do valor mensal da folha de pagamento. Considerando os números atuais, serão R$ 3,7 milhões por mês.

De acordo com a Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão, a economia será gradativa e começará a ocorrer depois da implantação de todas as funcionalidades do sistema e em todos os órgãos, ou seja, após três anos de execução. No entanto, existe a expectativa de que a nova ferramenta esteja funcionando nos principais órgãos de governo 18 meses a partir da contratação.
Melhoria no tratamento de dados vai diminuir risco de erros

O modelo a ser aplicado vai melhorar o tratamento de dados como salários, férias e abonos dos servidores, o que deverá diminuir risco de erros. Ele também permitirá verificar a frequência por meio de ponto eletrônico.

Por ter mais de duas décadas — o desenvolvimento é de 1980 e a instalação, de 1993 —, o atual sistema está com a linguagem desatualizada, os processamentos não são automatizados e há dificuldades para manutenção. Além disso, um dos itens que o compõem não tem representante comercial no Brasil, o que impede a aquisição de licenças e o suporte técnico.

O SIGRH é responsável por acompanhar a vida funcional, desde a nomeação até a aposentadoria. Contempla toda a administração direta e indireta, exceto as forças militares, a Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), o Banco de Brasília (BRB), a Companhia Energética de Brasília (CEB), a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) e a Polícia Civil.


Pregão eletrônico para contratar novo sistema de gestão de recursos humanos

17 de janeiro (terça-feira)

Às 10 horas


Mais informações: (61) 3313-8458

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Melhores da semana