quarta-feira, 10 de maio de 2017

Hélio José cria grupo com senadores para agilizar expediente da CPI da Previdência

Hoje pela manhã, o senador Helio José (PMDB-DF) revelou durante audiência pública – que votou os requerimentos da CPI da Previdência – que criou um grupo composto por 12 senadores que estão envolvidos na pasta para “agilizar o expediente”

O peemedebista disse ainda que todos os colegas serão administradores do grupo e que cada um poderá adicionar um assessor de imprensa para representá-lo.O senador é relator da comissão que foi criada na semana passada pelo senador Paulo Paim (PT-RS), presidente da matéria, no plenário do Senado Federal.

Aprovada pelo colegiado, a pasta que irá apurar os números do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e identificar casos de fraude e sonegação será analisada detalhadamente em outras duas audiências: uma composta por sindicalistas e a outra, de especialistas na área previdenciária.

A primeira audiência pública está agendada para amanhã, às 14 horas. Nela, estarão presentes o Sindicato Nacional dos Auditores-Fiscais do Trabalho (Sinait), Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional (Sinprofaz), Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil (Sindifisco Nacional) e a Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil (Anfip).

“As entidades compostas por auditores, municiarão a CPI de forma oficial com seus estudos e darão uma base para que a gente prossiga com a oitiva. É com esses documentos que nós tiramos as provas técnicas”, disse Hélio.

A segunda audiência marcada para a próxima segunda-feira, às 14:30, contará com a presença de cinco especialistas.

Para o relator, os estudos desses especialistas que não representam entidade fará com que o colegiado tenha mais elementos para fazer as perguntas devidas e “bem colocadas”.
“Melhor para a CPI e melhor para o governo”, finalizou o peemedebista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Melhores da semana