quinta-feira, 13 de julho de 2017

Com medo de vaias, Marconi foge de missa solene em Trindade

A missa solene da Festa do Divino Pai Eterno, a Romaria de Trindade, sempre no último dia do evento, ocorreu na manhã de 2 de julho com a presença de diversas autoridades políticas de Goiás e da Igreja Católica

Dentre as autoridades, chamou a atenção a ausência do governador Marconi Perillo (PSDB), que participava da missa solene desde seu primeiro mandato, em 1999. O governador não foi ao evento porque estava com medo de ser vaiado. Seu representante no evento foi o vice-governador José Eliton (PSDB), ainda desconhecido por 90% do público presente ao evento. 

A cerimônia foi presidida pelo arcebispo de Brasília e presidente da Conferência Nacional dos Bispos dos Brasil (CNBB), cardeal Dom Sérgio da Rocha, e contou com a presença do arcebispo de Goiânia, Dom Washington Cruz, o superior provincial dos redentoristas de Goiás, padre Robson de Olivera, além do reitor do Santuário Basílica Pai Eterno, padre Edinisio Gonçalves Pereira Vieira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Melhores da semana