Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

404

Página não encontrada

Início

Os 163 anos do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal serão comemorados em sessão solene promovida pelo Deputado Roosevelt Vilela, no dia 24 de junho, às 15 horas, no plenário da Câmara Legislativa

“O nosso Corpo de Bombeiros Militar é uma referência reconhecida por todos nós e tenho muito orgulho de fazer parte dessa Corporação de excelência. Bombeiros Militares prestam excelentes serviços à sociedade, a qualquer hora do dia ou da noite e até mesmo com o risco de suas próprias vidas”, afirma Roosevelt que também é Bombeiro Militar da reserva.

O trabalho realizado pelo Corpo de Bombeiros tem reconhecimento nacional. O Índice de Confiança Social (ICS), um levantamento realizado pelo IBOPE, aponta que o Corpo de Bombeiros é a instituição de maior credibilidade do Brasil. Em 2018, a pontuação da corporação no ICS foi de 82 pontos, em uma escala que varia de 0 a 100 pontos.

História

A corporação foi fundada no Brasil em 2 de julho de 1856 pelo imperador Dom Pedro II, no Rio de Janeiro, com o nome de Corpo de Bombeiros Provisório da Corte. A criação centralizou as funções de bombeiros existentes em outras forças. 

Em 1889, após a Proclamação da República, a instituição passou a ser chamada de Corpo de Bombeiros do Distrito Federal. Mais tarde, com a Constituição de 1988, tornou-se Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal.

Em 2 de julho de 1964, vieram do Rio para Brasília dois oficiais que coordenaram a chegada corporação ao Planalto Central. Os anos de 1964 a 1967 foram de intensas dificuldades. A maioria dos optantes do Corpo de Bombeiros ainda permanecia no Rio de Janeiro, enquanto, no território candango, os pioneiros garantiam à Corporação o direito de continuar existindo organizadamente.

Um fato simbólico marcou a história da Corporação no Planalto Central. O cabo Borges, do grupo que ainda aguardava no Rio de Janeiro pela transferência e instalação de suas famílias, propôs organizar 30 soldados para se deslocarem a pé, do Rio à Brasília com o objetivo de criar um fato político. A marcha partiu da Praça Mauá, em 2 de julho de 1965. Em 27 de junho foram recebidos no Eixo Rodoviário Sul pelo general Kruel e o capitão Arlindo Jacarandá.

“A história do Corpo de Bombeiros Militar do DF é uma revisita à história da capital do país. O trabalho realizado pela Corporação merece nosso respeito e reconhecimento”, destaca Roosevelt Vilela.

Serviço:

Sessão Solene em Homenagem ao Corpo de Bombeiros Militar do DF
Data: 24 de junho de 2019
Horário: 15 horas
Local: Plenário da Câmara Legislativa do DF
Leave A Reply

Blog do Paulo Roberto Melo

[name=Blog do Paulo Melo] [img=https://2.bp.blogspot.com/-SMQa2r91n1w/WxcuM5dFiAI/AAAAAAAAHbE/-xMkvHecaMMxZr2u27V4lWwHMKY6IgyqgCK4BGAYYCw/s0/BLOG-DO-PAULO-MELO-ELEI%25C3%2587OES-2018.png] [description=Sou formado em Gestão Pública pela UCDB e Gestão Empresarial na UNIPLAN, já cursei Ciência Política na UDF, trancando no 3° período. Também cursei Ciências Contábeis na UPIS.Tenho pos graduação em Gerenciamento de Projetos pela Uniandrade e MBA em Marketing pela FGV..] (facebook=Facebook.com) (twitter=Twitter.com) (instagram=Instagram.com) (bloglovin=Blogvin.com) (pinterest=Pinterest.com) (tumblr=Tumblr.com)