domingo, 4 de fevereiro de 2018

Dar novos usos à água com a captação e reúso no condomínio

Outra maneira de não desperdiçar a água é reutiliza-la. Muitos condomínios tem apostado em sistemas de captação e reúso de água




A preocupação com as questões ambientais e a sustentabilidade tem se espalhado em todos os âmbitos. Desde grandes indústrias até cidadãos comuns têm procurado dar sua contribuição para a melhoria do planeta. Dentro de um condomínio, esta contribuição pode ocorrer por meio da reutilização da água, com a implementação de um sistema de captação e reúso de água, principalmente água da chuva. Na aplicação deste sistema são utilizadas cisternas para o condomínio, que armazenam a água para sua reutilização, gerando assim maior economia.

A falta de água tem sido realidade em muitas regiões do Brasil e, pensando nisso, na questão econômica e principalmente na sustentabilidade, muitos condomínios vêm se preocupando com a instalação de sistemas que auxiliem a minimizar alguns problemas relacionados à utilização da água.

1. Hidrômetros individuais e inspeções são ótimos para poupar água, mas não são suficientes
A instalação de hidrômetros individuais e o cuidado com a inspeção contra vazamentos são medidas importantes para a economia de água e devem ser implementadas no seu condomínio. Porém, elas pouco resolvem quando se trata da falta de água.


2. Economia significativa
A implementação de um sistema de captação e reuso da água, além de ser uma forma inteligente de lidar com uma possível falta de água, contribui financeiramente para o condomínio, uma vez que podem gerar até 40% de economia no consumo de água. 

3. Pode ser mais simples do que você espera
Captar e reaproveitar a água da chuva pode ser muito mais simples em um condomínio do que se imagina. Alguns, inclusive, já contam com reservatórios para escoar a água da chuva. O que ocorre é que a água captada acaba sendo bombeada para a rua.

4. Equipamentos básicos para a captação e reúso da água
Agora vamos ver como implementar um sistema de captação e reuso de água. Caso seu condomínio ainda não possua um sistema coletor, é necessário primeiro instalá-lo. Veja os equipamentos necessários:



Bacia coletora para o telhado: Ela vai captar a água da chuva;
Calhas e coletores: Eles seguram resíduos como galhos, folhas e outras sujeiras maiores;
Filtros de areia: Eles seguram a maior parte das partículas contaminantes que estão na água da chuva;


Filtro desferrizador: Ele retira o ferro e o manganês que estão na água;
Separador de primeiras águas: Separa a primeira chuva, esta água não deve ser reaproveitada.


Unidade de desinfecção: O sistema retira as bactérias da água utilizando cloro, ozônio ou algum outro material;


Cisterna: É o reservatório fechado que serve para guardar a água da chuva, resguardando-a da entrada de sujeira e luz do sol;


Sistema de pressurização: São as bombas que enviarão a água estocada para as caixas de alimentação;


Caixas de alimentação: Mais um tipo de reservatório, agora elevado;
Tubulação: para uso independente e exclusivo da água reservada para reutilização.

5. Da coleta à distribuição
A água da chuva é captada do telhado e coletada para calhas que a levam até um reservatório. Depois disso, passando por um processo de filtragem, ela é enviada para uma caixa d’água. A partir da caixa d’água, ela é distribuída para uso diverso.

6. É preciso tratar a água
As sujeiras e impurezas desta água captada devem ser eliminadas através de um filtro de linha. A água é armazenada em tanques ou cisternas e depois succionada por uma bomba centrífuga, onde recebe uma solução para eliminar bactérias e outras contaminações. Através de um filtro de profundidade, são retiradas partículas em suspensão e a água é novamente armazenada em tanque ou cisterna, estando pronta para ser reutilizada.

7. Manutenção do sistema de captação e reúso de água
Atenção para a limpeza periódica das peneiras e substituição das pastilhas que fazem o controle e eliminação de bactérias.

8. Onde usar a água captada?
A água coletada poderá ser utilizada para atividades como lavagem de calçadas e áreas externas, regar os jardins e descarga nos banheiros.

9. Cisterna é essencial
A cisterna para condomínio é um dos elementos mais importantes de todo este sistema. É nela que a água a ser reutilizada ficará armazenada. Trata-se de um tanque ou caixa fechada onde a água ficará livre de contaminação e da luz do sol.

E você? Já faz captação e reúso de água em seu condomínio? Comente aqui sobre sua experiência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Melhores da semana