domingo, 12 de agosto de 2018

Ronaldo Caiado ressalta apoios recebidos no Entorno do DF

O candidato do Democratas conta com apoio de diversas lideranças da região



Durante a caminhada da frente “Unidos para Mudar Goiás”, o senador Ronaldo Caiado (Democratas) conquistou apoios de peso para sua pré-can­didatura ao governo em todas as regiões do Estado. No Entorno do Distrito Federal não foi diferente. Na região, Ronaldo Caiado tem con­tado a força da vice-prefeita de Lu­ziânia, professora Edna (Pros), da vice-prefeita de Planaltina de Goiás (Pros), Maria Aparecida, e do ex­-deputado federal Marcelo Melo, que assumiu a coordenação da pré­-campanha de Ronaldo Caiado no Entorno. Outro integrante da fren­te que também tem uma história com a região é o deputado federal Delegado Waldir (PSL), que iniciou sua carreira na polícia civil goiana atuando em cidades da Ride.

Ao justificar a opção pelo gru­po liderado pelo pré-candidato ao governo Ronaldo Caiado, to­dos foram unânimes em apontar o médico como o mais preparado para mudar a situação de Goiás e o quadro de abandono do Entor­no assim como se trata de uma fi­gura ficha-limpa, de trajetória po­lítica reconhecidamente honesta.

“Eu decidi apoiá-lo pelo traba­lho que ele já executa pelo estado de Goiás. Devido ele ser ficha lim­pa, por conhecer tão bem o estado e acredito ele ser o mais preparado no momento. Ele ja vem se prepa­rando durante toda uma vida para isso”, opinou professora Edna.

Já o Delegado Waldir, o deputado mais votado do estado, disse que sua decisão por seguir junto com Caia­do veio antes mesmo de o senador se tornar pré-candidato. “Eu deci­di apoiar a pré-candidatura do se­nador Ronaldo Caiado quando ele nem era pré-candidato. A posição dele corajosa cristão, patriota, de­fensor das riquezas brasileiras, de­fensor da família, isso, sem dúvida nenhuma, chamou atenção e ele defende há muito tempo as mes­mas pautas que eu defendo, por isso, que decidi caminhar com ele. Vejo como pessoa mais honrada, mais correta, mais honesta para mudar os destinos do estado de Goiás”, acrescentou o deputado federal.

Marcelo Melo afirmou que Caia­do, que já vem visitando várias cida­des do Entorno, vai intensificar sua agenda para mostrar que a região terá, de fato, ações estruturais para atender saúde, educação, seguran­ça e transporte. “Nosso pré-candi­dato tem andando o estado inteiro, uma agenda extensa e nós já defini­mos uma chapa: já tem candidato a senador, deputado estadual e de­putado federal e iremos fazer uma agenda mais extensa no Entorno, mais presente. Nós queremos inse­rir de vez o Entorno no contexto po­lítico de Goiás. Abracei a pré-campa­nha de Caiado foi por acreditar que ele vai fazer ações concretas para o Entorno. O Entorno vai ser decisivo para resolver essa eleição no primei­ro turno”, destacou Marcelo.

Curta nossa página no Facebook!


De fato, após definição da cha­pa, Caiado e integrantes da frente “Unidos para Mudar” estiveram em algumas cidades do Entorno, caso da agenda cumprida no úl­timo domingo (29/7) em Águas Lindas, Nova Gomo e Santo An­tônio do Descoberto.

Marcelo disse que a população da RIDE (Região Integrada de De­senvolvimento do Distrito Federal e Entorno) está cansada de medidas paliativas, de “remendos” que não resolvem os problemas locais. Ele cita a violência com índices que es­tão entre os maiores do país e a saúde com hospitais regionais co obras ini­ciadas há anos ainda não concluídas.

“Até hoje o que aconteceu aí fo­ram medidas paliativas, para cons­truir um hospital leva 20, 25 anos, fazer uma ação na segurança pú­blica são apenas remendos, ape­nas maquiagem. A questão da se­gurança pública hoje o Entorno está hoje, infelizmente, como uma das regiões mais violentas do país. Lu­ziânia apareceu em 14 lugar como uma das cidades mais violentas do Brasil. Isso é uma tristeza”, relatou.

A liderança e ex-deputado fede­ral ainda mencionou a peregrina­ção da população local todos os dias para se decolar via transporte públi­co e a ausência de incentivos para atração de indústrias, o que iria de­senvolver a região que deixaria de ter apenas cidades-dormitórios. “Para resolver o problema do transporte público nunca se tomou uma deci­são de peso, de impacto. Hoje o cida­dão do Entorno passa quatro horas por dia dentro de um ônibus ou de um carro em direção a Brasília, uma situação degradante, uma situação vexatória. Temos que fazer com o Entorno possa participar da indus­trialização de Goiás. Chega! Tudo que vem para Goiás só para Anápo­lis e Aparecida. O Entorno não ganha um investimento, não ganha uma in­dústria e com isso o nosso desem­prego só aumenta. São questões es­truturais e conjunturais, não adianta tratar o Entorno só com ações paliati­vas, é preciso ações concretas no sen­tido de fazer com que essa popula­ção que vem sofrendo possa ter dias melhores”, declarou ao reforçar que Ronaldo Caiado é a melhor opção para enfrentar todas essas questões.

“Ronaldo Caiado não é apenas a melhor opção para o Entorno, mas para todo o estado de Goiás. Hoje, nós vivemos um estado de aban­dono saúde, educação, segurança, obras inacabadas, dívidas do esta­do, tem muito o que se fazer para poder mudar esse perfil de 20 anos de estelionato eleitoral apenas uma pessoa realmente que tem grande destaque no país hoje reconhecido por todas pessoas como um gran­de líder”, concluiu delegado Waldir.

PROPOSTAS

Para lidar com a situação de “or­fandade” do Entorno, como classi­ficou Ronaldo Caiado, o pré-candi­dato apresentou projetos que estão tramitando no Senado Federal. Um deles é a PEC 65/2015 que transfe­re para a União a exploração dos serviços de transporte rodoviário de passageiros entre os municípios do Entorno do Distrito Federal. A proposta, já foi aprovada pela Co­missão de Constituição e Justiça da Casa, tem a intenção é permitir que exista investimento no transpor­te da região, melhorando o atendi­mento de milhares de passageiros que se deslocam principalmente para Brasília e hoje sofrem com a precariedade do serviço. O texto será agora votado pelo plenário do Senado. Hoje, lembra Caiado, mais de 30 mil pessoas se deslocam de Luziânia para o Distrito Federal to­dos os dias em péssimas condições de transporte público. Isso apenas para citar uma cidade do região.

Outro projeto voltado ao desen­volvimento da região é o PLS 163/15, da autoria de Caiado, que destina 80% do FCO repassado ao Distrito Federal para as cidades do Entorno. “Brasília tem a maior renda per ca­pita e o maior IDH do país enquanto as cidades ao redor contam com os piores índices. Não há emprego nem perspectiva no Entorno porque não há como competir com os subsídios federais e o volume de recursos que é destinado a Brasília. Em vez de resol­ver isso, a região segue sendo usada apenas como curral eleitoral do go­vernador”, afirmou Caiado.

Já a proposta, aprovada pelo Congresso, que teve grande empe­nho do senador é o PLC 102/2015, que amplia a RIDE. Foi Caiado que articulou para que a matéria já há anos na Casa entrasse na pauta do plenário para concluir sua tramita­ção. O projeto de lei complementar acrescenta 10 novos municípios de Goiás e dois de Minas Gerais à RIDE, o que garantirá acesso a re­cursos federais e prioridade em convênios nas áreas de infraestru­tura, transporte, educação, saúde e cultura. O PLC 102/2015 acres­ce a RIDE os municípios goianos de Alto Paraíso, Alvorada do Nor­te, Barro Alto, Cavalcante, Flores de Goiás, Goianésia, Niquelân­dia, São João d’Aliança, Simolân­dia e Vila Propício e os mineiros de Arinos e Cabeceira Grande. Outras 22 cidades já fazem parte da região do Entorno do DF, cria­da pela Lei Complementar 94/98.

Fonte: DM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Melhores da semana