Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

404

Página não encontrada

Início



Uma empresa de alma feminina. Essa é a definição que se ouve nos corredores do Grupo Sabin. Sob o comando da presidente executiva Lídia Abdalla as mulheres ocupam 77% dos postos de trabalho e 74% dos cargos de liderança e encontram um ambiente que estimula seu desenvolvimento profissional e pessoal

Foto: Carolina Castro.

São valores como equidade e respeito pelas pessoas que fizeram o Sabin conquistar, pelo quarto ano consecutivo, lugar de destaque na lista das melhores empresas para a mulher trabalhar do GPTW Mulher. A premiação, realizada pelo Instituto Great Place to Work, valoriza organizações reconhecem o papel da mulher na sociedade e promovem a busca pela igualdade de gênero e diversidade. A 4ª edição do evento aconteceu, na última quarta-feira, durante o encontro RH Summit, maior evento on-line de Recursos Humanos da América Latina. O Sabin se destacou na pesquisa e alcançou a quinta posição. 

Em sua palestra no evento com tema “Aqui a minha voz importa”, Lídia Abdalla destacou que a presença feminina faz diferença nos negócios e que é importante estimular o protagonismo feminino no meio empresarial. “O Sabin foi fundado por duas mulheres, Janete Vaz e Sandra Soares Costa. Equidade e respeito pelas pessoas estão em nossa essência. Valorizamos e reconhecemos a importância de termos mulheres com diferentes perfis e habilidades e competências diversas. Sabemos que isso nos diferencia no mercado”, explica.

A diversidade está presente no modelo de gestão do Sabin e favorece o ambiente de trabalho saudável e positivo. Além de ser um destaque para as mulheres , o Sabin foi escolhido como Empresa do Ano pelo Guia Exame de Diversidade em reconhecimento as suas políticas e práticas de promoção da inclusão, clima organizacional, processos de atração e retenção de talentos.

Os investimentos em saúde física e mental das colaboradoras vai além do local de trabalho. Durante a pandemia do novo coronavírus, a empresa criou uma campanha interna para informar e alertar sobre a violência feminina. No material, é possível encontrar informações como exemplos de comportamentos agressivos, formas de oferecer ajuda às vítimas e telefones e canais de contato com autoridades e órgãos de apoio.

O fomento de atividades para apoiar as mulheres em seus diferentes papéis na sociedade acontece também fora do Sabin. Recentemente a empresa se tornou uma das investidoras da Women Entrepreneurship. O projeto foi idealizado pela Microsoft Participações, Sebrae Nacional, Bertha Capital e Belvedere Investimentos e tem como objetivo inspirar o empreendedorismo feminino na vertical de negócios tecnológicos relacionados a Internet das Coisas (IoT), saúde e energia.
Leave A Reply

Blog do Paulo Roberto Melo

[name=Blog do Paulo Melo] [img=https://2.bp.blogspot.com/-SMQa2r91n1w/WxcuM5dFiAI/AAAAAAAAHbE/-xMkvHecaMMxZr2u27V4lWwHMKY6IgyqgCK4BGAYYCw/s0/BLOG-DO-PAULO-MELO-ELEI%25C3%2587OES-2018.png] [description=Sou formado em Gestão Pública pela UCDB e Gestão Empresarial na UNIPLAN, já cursei Ciência Política na UDF, trancando no 3° período. Também cursei Ciências Contábeis na UPIS.Tenho pos graduação em Gerenciamento de Projetos pela Uniandrade e MBA em Marketing pela FGV..] (facebook=Facebook.com) (twitter=Twitter.com) (instagram=Instagram.com) (bloglovin=Blogvin.com) (pinterest=Pinterest.com) (tumblr=Tumblr.com)