Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

404

Página não encontrada

Início

Battle of Sotiras é o primeiro game brasileiro integrado ao mercado Blockchain.



Com cenário medieval e personagens épicos, o jogo lançado pela startup Reward Hunters Token une entretenimento e investimento. “Reunimos o que há de mais competitivo nos Battle Royale e vinculamos a um único game dentro do Blockchain”, anuncia Leandro Baccari, head da empresa brasileira.

O game usa o sistema playtoearn, em que os jogadores podem além de controlar os ativos do jogo, também negociá-los e vendê-los. Assim, as plataformas da GameFi permitem que os usuários ganhem recompensas que consistem em NFTs e tokens. Esses tokens podem ser usados em mercados integrados e negociados em bolsas. O valor mínimo para entrar na brincadeira é 10 mil tokens $RHT ou cerca de U$10 (cerca de R$ 56).

“Estruturamos um jogo para gamers profissionais e para quem está querendo conhecer esse novo mercado e como estamos integrados com o Blockchain oferecemos aos jogadores a capacidade de ganhar recompensas na Binance Smart Chain (BEP 20), que é nossa parceira nesse empreendimento”, detalha Baccari.

Personagens

Entre os personagens de Battle of Sotiras, quatro se destacam como caçadores de recompensa: Venandi, o arqueiro; Diana, a druida; Órion, o cavaleiro e Anabelle, a feiticeira. O game não tem armas de fogo e os personagens são gratuitos.

Diferenciais

Habilitado para iOS e Android, Battle of Sotiras é uma batalha num cenário medieval com vários avatares. Os jogadores se enfrentam “mano a mano” ou em grupo: até quatro pessoas em que o último “vivo” é o vencedor. A moeda do jogo é o token RHT, que permite a compra de equipamentos diversos e é também a qualificação para as recompensas Binance Coin (BNB). 

Os personagens são gratuitos, mas só entram na competição armados e esses equipamentos são comprados em RHT. “Para o lançamento, incluindo essa fase de divulgação nos Estados Unidos habilitamos 1.800 armas”, conta Baccari. “É pouco para o potencial estimado, é o mais seguro para crescermos com qualidade já que as armas são disponibilizadas à medida que as cunhamos em NFT”, explica.
Leave A Reply

DANNTEC ENGENHARIA