Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display









404

Página não encontrada

Início
Obra de R$ 12 milhões incluiu a construção de ciclofaixas, ciclovia, sinalização horizontal e vertical e instalação de barreiras de concreto

"É mais uma obra importante para a mobilidade da nossa cidade", comentou o governador Ibaneis Rocha.

Foto: Renato Alves.

Cem mil motoristas serão beneficiados diariamente com a ampliação da Estrada Parque Aeroporto (Epar/DF-047), inaugurada pelo governador Ibaneis Rocha nesta segunda-feira (11). Com a obra, o fluxo de veículos no trecho poderá ser aumentado em 70%.

Para tanto, foram construídas duas novas faixas de rolamento em cada sentido da DF-047. Iniciado em maio de 2020 e finalizado em abril de 2022, esse trabalho permitiu a geração de 50 empregos e contou com investimento de R$ 12 milhões. "Essa é mais uma obra importante para a mobilidade da nossa cidade", afirma o governador. "Essa região concentra um grande fluxo de veículos do Lago Sul, Park Way, Gama e Entorno, e agora nós ampliamos a via para dar mais conforto aos motoristas."

O trecho, de aproximadamente 2 km, compreende a Estrada Parque Dom Bosco (DF-025) e a Estrada Parque Guará (DF-051), entre o antigo Balão Dona Sarah Kubitschek e o Viaduto Camargo Corrêa. Executada pelo DER-DF, a obra incluiu a construção de ciclofaixas, ciclovia e a execução de sinalização horizontal e vertical, além da instalação de uma barreira de concreto do tipo New Jersey na extensão do trecho.

Mais funcionalidade
"Fizemos vias marginais para dar funcionalidade às duas pontes existentes e que não levavam a lugar algum", explica o diretor-geral do DER-DF, Fauzi Nacfur Júnior. "Essas marginais foram feitas para dar funcionalidade a essas pontes e fazer a triagem dos veículos."

Com a obra, os motoristas que desejam ir para o aeroporto poderão contar com faixas únicas. Quem vem e vai da Saída Sul terá duas faixas novas para acessar o caminho para o Gama e Valparaíso, e quem deseja ir ao Lago Sul pode fazer o contorno para acessar a cidade.

"Antes tínhamos três faixas que se transformavam em uma, e ocorria um estrangulamento na saída do túnel do aeroporto; agora temos seis faixas sentido Brasília e cinco faixas no sentido aeroporto, dando mais conforto para os usuários", complementa o diretor-geral do DER-DF.

"Tínhamos a necessidade de completar esse Balão da Dona Sarah", comenta o administrador do Lago Sul, Rubens Santoro. "Está aí, entregue, mais uma obra de qualidade feita pelo governador Ibaneis Rocha."
Leave A Reply

DANNTEC ENGENHARIA