Série documental de Carmen Perez será lançada no 7º Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio

Cada episódio abordará tradição, dedicação, família, empreendedorismo, responsabilidade para com o ambiente e com as futuras gerações



Lançado no ano passado como um documentário, o projeto “Quando Ouvi a Voz da Terra” chega em nova fase como uma série documental, com estreia em grande estilo durante o Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio – CNMA, que ocorrerá nos dias 26 e 27 de outubro, no Transamerica Expo Center, na capital paulista.

A pecuarista Carmen Perez segue sendo a principal interlocutora das vivências de pessoas do campo, a partir de sua própria história. Em sua primeira fase, o projeto culminou em um documentário, lançado na 6ª edição do CNMA, que abordou as histórias e o dia a dia de pecuaristas que se preocupam com o bem-estar animal e com as boas práticas.

O projeto agora amplia seus horizontes. A primeira temporada da série documental irá entender como é o trabalho e os costumes em outras áreas de atuação, trazendo sempre a humanidade que há por trás de cada cultivo ou relação com os animais. Carmen visitará produtores de cacau, café, leite, mel, pecuária além de sua rotina como fazendeira, que resultaram em mini documentários de 15 minutos, com qualidade cinematográfica.

“Nosso objetivo segue por trazer as histórias do campo e suas reflexões, a partir da minha vivência com cada uma delas”, afirma Carmen. “Vamos falar de tradição, dedicação, família, empreendedorismo, responsabilidade para com o ambiente e para com as futuras gerações”, completa a protagonista, sobre as gravações que já estão em andamento, em três regiões brasileiras.

Para Carmen, realizar o lançamento do projeto durante o Congresso Nacional de Mulheres do Agronegócio é levar a informação direto para o público alvo. É expressar a força e a união do universo agro, valorizando as pessoas que estão à frente do mercado, plantando mudanças, inclusão e inovação no agronegócio e no mundo.

Para a Show Manager do CNMA Carolina Gama, a série documental “Quando Ouvi a Voz da Terra” assume um papel transformador para as mulheres envolvidas no agronegócio, já que transmite histórias poderosas, com o poder de construir imaginários, levar informação e fomentar mudanças. “No fundo somos todas mulheres em busca de espaço e reconhecimento do nosso trabalho, e ver histórias de sucesso nos inspira a seguir adiante e fazer sempre mais e melhor. Essa é a premissa do CNMA, inspirar a todas as mulheres em todos os âmbitos da sua vida”.

A direção é do documentarista Nando Dias Gomes que, juntamente com Carmen e a jornalista Flávia Tonin, assinam o projeto. Em sua segunda fase, Quando Ouvi a Voz da Terra conta com patrocínio da KWS Sementes, além de apoio da 7ª edição do Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio.

Assista no youtube: https://www.youtube.com/channel/UC66yp7Vjezdb1VimbIXRuSg

Acompanhe os bastidores www.instagram.com/quandoouviavozdaterra

 

CNMA: o maior encontro das mulheres do agronegócio

Em sua 7ª edição, o CNMA 2022 volta a ser palco do maior encontro entre as mulheres do setor, após dois anos em formato on-line. “Estamos preparando para esse ano um Congresso ainda mais especial, com temas de relevância para o atual cenário da mulher do setor, que hoje já assumiu seu papel de protagonista e busca cada vez mais capacitação para assumir o papel de liderança e de decisão dentro e fora da porteira”, declara a Show Manager do evento Carolina Gama.

O Diretor Geral do Transamerica Expo Center, Alexandre Marcílio, reforça o convite e se diz animado e confiante com a retomada dos eventos presenciais. “Esperamos que todas as participantes das últimas edições estevam conosco revivendo a atmosfera de união e pujança, características do agronegócio brasileiro. Temos a certeza de que será um evento memorável”.

As inscrições do Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio já estão abertas. Acesse o site https://www.mulheresdoagro.com.br/.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem