Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display







IESB

404

Página não encontrada

Início

Governador foi recebido por representantes do setor da construção civil para um café da manhã nesta quarta-feira (31)


Fotos: Pedro Oliveira.

O governador Ibaneis Rocha recebeu mais um importante apoio à sua reeleição nesta quarta-feira (31), o de sindicatos que representam os setores da indústria, construção civil e de materiais. O emedebista agradeceu a parceria e prometeu seguir a agenda de desenvolvimento do Distrito Federal com mais obras de infraestrutura, a exemplo da pavimentação em concreto da W3 Sul, que está em andamento, e da Estrutural, a ser iniciada após a conclusão do Túnel de Taguatinga.

 

Nesses três anos e oito meses de mandato, a gestão Ibaneis ficou conhecida pelas obras sociais e pelas obras de infraestrutura. São 1,6 mil concluídas ou em andamento, o que permitiu ao setor manter os empregos, mesmo em meio a uma pandemia, e até faltar mão de obra para contratação, o que está sendo corrigido com programas de qualificação do governo.

 

"Quando assumimos tínhamos poucos projetos e nós fomos criando os projetos. Os oito primeiros meses de governo foram difíceis, até conseguir colocar na cabeça dos secretários e presidentes de empresas minha maneira de agir. E aí conseguimos embalar, as obras começaram a sair e fomos atrás dos recursos para tirá-las do papel. O DF é hoje um canteiro de obras, temos muitas obras em andamento. Temos uma cartela de obras a fazer e a gente acredita que o DF precisa crescer", disse Ibaneis Rocha.

 

O emedebista citou algumas construções em andamento, como o Túnel de Taguatinga e viadutos em diferentes regiões do DF, apontou a queda de desemprego em seu governo, e citou programas de capacitação. "Criamos o RenovaDF e o QualificaDF, onde as pessoas terminam os cursos, recebem os diplomas e já vão buscando os empregos. No RenovaDF, das sete mil pessoas formadas, três mil foram contratadas pelo setor da construção civil", apontou.

 

Para um segundo mandato, Ibaneis pretende ampliar o investimento no asfaltamento de vias, o que já vem ocorrendo agora. "Queremos fazer o asfaltamento e a concretagem das vias. Vamos fazer a Estrutural depois de concluir a obra do Túnel de Taguatinga para não atrapalharmos o trânsito. A W3 Sul já está sendo feita com pavimento em concreto. A gente passa a ter um novo modelo de via que tem 20 anos de vida útil. A expectativa é crescer muito nesse setor e estou feliz de ter o apoio de vocês", finalizou. 

 

Anfitrião do café da manhã que definiu o apoio à reeleição de Ibaneis, o presidente do Sindicato das Indústrias de Artefatos, Cimentos, Concretos e Mármores do Distrito Federal (Sindarcom-DF), José Antônio Goulart, reconheceu o trabalho nas cidades.

 

"Este setor produtivo entendeu que nós precisamos prestar apoio ao governador na sua recondução ao cargo. Por todos os lados existem obras de infraestrutura. Elas mobilizam todos os nossos setores industriais, do pré-moldado, do mármore, do asfalto, do concreto e do cimento. O Ibaneis está remontando aos governos passados que fizeram muita infraestrutura", confirmou.

 

Já o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de Brasília (Sticombe), Raimundo Salvador da Costa Braz, destacou que o governador não só manteve a geração de empregos diante da pandemia, mas permitiu o fortalecimento do setor, que hoje carece de mão de obra. "Em 31 de agosto de 2018 ele disse que teríamos o pleno emprego na indústria, e graças a Deus ele entregou o pleno emprego. Temos mais vagas de trabalho do que trabalhadores para preenchê-las e isso é motivo de orgulho e satisfação, ter nossas famílias com dignidade e emprego, é um marco da nossa categoria", afirmou.


Conheça o portal FOCO NACIONAL: foconacional.com.br
Leave A Reply

DANNTEC ENGENHARIA