Não sou cabo eleitoral de Bolsonaro, virei general eleitoral, alerta Damares Alves

Damares mergulha de cabeça na campanha de reeleição de Bolsonaro e vai rodar o Brasil pedindo votos para o presidente

Foto: Alan Macintosh.

Com o resultado impactante nas urnas no Distrito Federal, Damares Alves, senadora eleita com 714.562 votos (44,98%), se tornou uma das protagonistas na campanha à reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL). Ela integrará um núcleo de mulheres, criado pela campanha do presidente, que vai trabalhar para reduzir a rejeição a Bolsonaro no eleitorado feminino. A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, coordenará as ações do grupo que também contará com a participação de Tereza Cristina Dias (PP-MS), senadora eleita, Bia Kicis (PL-DF), deputada federal reeleita e Carla Zambelli (PL-SP), deputada federal reeleita.

Nesta quinta (06), a ex-ministra da Mulher Família e Direitos Humanos, Damares Alves, estará com o ex-ministro de Cidadania e deputado federal, João Roma (PL), em Vitória da Conquista- BA. A partir das 19 horas, eles participam de encontro com a militância bolsonarista, no Espaço Rafic. O objetivo é definir as ações de campanha na região pela reeleição do presidente Jair Bolsonaro.

"Eu não sou cabo eleitoral de Bolsonaro. Virei sargento eleitoral! Vou rodar o Brasil dizendo e mostrando que o nosso país é conservador. Essa eleição confirmou isso, com vários conservadores eleitos para o Congresso Nacional. Todos falaram em suas campanhas sobre valores e provaram nas urnas que essa não é uma pauta vencida. Nós defendemos a vida e somos contra os temas: aborto, ideologia de gênero e legalização das drogas. Vou dizer para o Brasil o risco que corremos se o Lula ganhar, porque ele e toda a esquerda pregam o contrário", destacou Damares.

João Roma, confiante na vitória de Bolsonaro no segundo turno, avalia que o presidente terá uma votação muito superior em 30 de outubro à do último dia dois na Bahia. "São crescentes os apoios em todo o estado ao presidente. A Bahia vai seguir de mãos dadas com o Brasil no segundo turno e, com certeza, os eleitores do candidato ACM Neto também estarão juntos conosco, apoiando o presidente Bolsonaro e contra o PT".

Paulo Melo

"Não viva para que a sua presença seja notada, mas para que a sua falta seja sentida." (Bob Marley)

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem