Teatro dos Sentidos retorna a capital abordando a inclusão das pessoas com deficiência no cenário cultural

 Diferente de qualquer outro espetáculo, o público “assiste” às apresentações com os olhos vendados enquanto tem os outros sentidos sendo estimulados pelo elenco


                                                         

Promovendo uma experiência única no cenário das artes cênicas brasilienses, o Teatro dos Sentidos estará retornando à capital no próximo dia 25 de fevereiro com peças direcionadas para o público adulto e infantil. Trabalhando pautas de inclusão que priorizam as pessoas com deficiência (PcD), as apresentações serão celebradas no Espaço Cultural Renato Russo e têm como objetivo proporcionar a inclusão cultural deste grupo seleto que representa mais de 24% da população brasileira.


Diferente das peças de teatro convencionais, todo o público, com exceção dos deficientes visuais, será vendado antes da performance principal, característica essa que enfatiza a proposta  principal do projeto. “Além de promover reflexões profundas a respeito da postura cotidiana que o senso comum propaga sobre as pessoas com deficiências, O Teatro dos Sentidos também chega para ressaltar que esse público também atua como consumidor de cultura, fator este que muitas das vezes não é levado em consideração pelas instituições públicas e privadas”, ressalta a principal organizadora do espetáculo, Paula Wenke.


Para dar vida ao projeto, a cineasta e roteirista contará com um time de atores “provocadores” que serão responsáveis por estimular todos os outros sentidos do público durante a encenação, variando a abordagem de acordo com as necessidades de desenvolvimento da narrativa. Alternando entre dois horários distintos de exibição, 16h e 20h,  a peça destinada ao público infantil será “Pluft, o fantasminha vai ao Teatro dos Sentidos”, que possui roteiro adaptado da obra da dramaturga Maria Clara Machado. Já para os adultos a peça principal será "Feliz Ano Novo”, com roteiro original de Paula Wenke.


Ainda de acordo com a diretora do projeto, além de abordar um pouco mais sobre a realidade dos deficientes visuais ao final da apresentação, o público será convidado a participar de uma exposição artística inclusiva e inspirada nas experiências cênicas. As obras ficaram expostas em um varal cenográfico que contará com a participação de 20 artistas distintos, permitindo a interação da plateia com a coletânea.


Os preparativos da “Mostra Comemorativa da Transferência do Teatro dos Sentidos para Brasília” já se iniciam nos dias 25 e 26 de janeiro com um laboratório interativo para estimular os sentidos dos atores. Na primeira atividade, todos os participantes serão vendados e levados até o Jardim Botânico do DF para se relacionarem com as plantas e, logo em seguida, fazerem um piquenique às cegas. 


Já no laboratório do medo, o grupo andará pelas ruas da capital em direção à Nicolândia com a supervisão de “anjos” auxiliares, onde poderão ter a sensação de descolamento enquanto permanecem na condição de cego. “Embora 25% dos atores já possua algum tipo de deficiência, essas atividades são de grande importância para que o elenco seja capaz de transmitir ao público as mesmas sensações que tiveram durante toda a experiência”, conclui Paula Wenke.


Sobre o Teatro dos Sentidos - Vencedor de dois editais cedidos pela Prefeitura do Rio de Janeiro e pelo Banco do Brasil, o Teatro dos Sentidos surgiu em 1997 sob a idealização da roteirista, diretora, atriz e publicitária Paula Wenke, graduada em Artes Cênicas pela Universidade de Brasília (UnB). Com o intuito de promover uma experiência única enquanto revela a realidade das pessoas com deficiência, o Teatro dos Sentidos retorna à capital para uma série de apresentações após 7 anos longe dos palcos.


Serviço

Teatro dos Sentidos

Datas: 25 e 26 de fevereiro; 04 e 05 de março

Horário: 16h para o público infantil; 20h para adultos

Local: Espaço Cultural Renato Russo, Asa Sul, Comércio Residencial Sul, 508, Bloco A, Brasília - DF

Site: www.paulawenke.com/index.htm


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Canaã Telecom