Paisagismo valoriza imóvel e atrai clientes

4Inside

De acordo com a arquiteta Luiza Hafner, da 4Inside, paisagismo potencializa o impacto positivo do imóvel sobre o cliente e aumenta a chance de ser vendido mais rapidamente


Na hora de comprar ou vender um imóvel, o paisagismo pode ser um diferencial competitivo no mercado, fazendo com que casas e apartamentos à venda chamem ainda mais atenção dos compradores. Uma pesquisa de 2011, realizada pela Husqvarna (empresa sueca de equipamentos de jardinagem) comprovou que áreas verdes bem cuidadas podem valorizar, em média, 16% o imóvel. Foram entrevistados cinco mil proprietários de imóveis em nove países, além de 44 corretores imobiliários. Eles estimaram um aumento de quase 10% para as residências que possuíam um jardim bem cuidado contra uma desvalorização de até 15% do bem com áreas verdes negligenciadas.

De acordo com Luiza Hafner, fundadora da 4Inside Arquitetura de Resultados, imóveis que possuem espaços dedicados ao paisagismo, seja na fachada, varandas ou interior chamam mais atenção dos compradores. "Toda vez que preparamos um imóvel para venda, precisamos que os potenciais compradores se sintam em casa. O impacto sensorial nos ajuda a trazer esse entendimento, e com plantas e vegetação, conseguimos humanizar os imóveis como lares pela sensação de conforto e aconchego", explica.  Existem diversos estudos que dizem que as plantas tem grande influência na nossa saúde física e psicológica", indica.

A lógica de um projeto paisagístico é a mesma para qualquer projeto de jardim, inclusive em sacadas, na área interna ou vertical. É como se ao concluir a edificação ela finalmente ganhasse o último acabamento. "Todo projeto varia de acordo com o ambiente, insolação e até mesmo o cuidado necessário. Cada lar tem uma rotina diferente e isso é importante na hora de decidir por cada espécie de planta", afirma. "Para imóveis de venda, sempre precisamos pensar nas exigências de cuidado, cheiro e até mesmo impacto visual, por isso costumamos ousar em bambus da sorte, samambaias, peperômia e espada de São Jorge."

Pandemia aumentou interesse das pessoas por plantas nas residências

A pandemia da Covid-19 obrigou as pessoas a ficar mais tempo em casa e descobrir novos hobbies, e a jardinagem foi um deles.  O setor de flores e plantas fechou 2020 com crescimento de 10% garantido pelas vendas de plantas ornamentais e flores em vasos. Os dados são do Instituto Brasileiro de Floricultura. "As plantas tem uma enorme capacidade restauradora e foram uma boa solução para lidar com o estresse e até mesmo a proximidade do contato com a natureza. Diversos estudos mostram que poucos minutos já são suficientes para garantir a sensação de paz e a melhora do humor nas pessoas – muito importante para os dias de pandemia", avalia a arquiteta.

Sobre a 4Inside

Com foco em investidores, 4Inside Arquitetura de Resultados prepara imóveis para venda e locação por meio de parcerias com imobiliárias e construtoras. O objetivo é explorar todas as potencialidades dos imóveis, com projetos de decoração e reformas criativas, que proporcionem conforto, usabilidade e segurança para os moradores. A 4Inside trabalha com consultoria, home staging, virtual staging, open house, projeto e execução. Todos os serviços buscam ajudar, acelerar e facilitar negócios imobiliários para quem quer vender, comprar, alugar ou investir.

Emerson Tormann

Técnico Industrial em Elétrica e Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Canaã Telecom