BRB revoluciona financiamento habitacional com nova abordagem para o setor

Desafio Lançado: BRB Inspirando Outros Estados a Inovar no Financiamento Habitacional
Desafio Lançado: BRB Inspirando Outros Estados a Inovar no Financiamento Habitacional - Foto: CBIC / Divulgação

BRB e CBIC unem forças para alavancar financiamento habitacional e impulsionar construção civil


São Luís (MA) - Em uma iniciativa que promete transformar o cenário do financiamento habitacional e impulsionar o crescimento da indústria da construção civil, o Banco Regional do Brasil (BRB) apresentou à Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) uma inovadora abordagem para o setor.

Durante a reunião do Conselho de Administração da CBIC, a diretora de Atacado e Governo do BRB, Eugênia Melo, representando o presidente Paulo Henrique Bezerra R. Costa, compartilhou os avanços significativos da instituição na área da Habitação. Com presença em 20 estados e no Distrito Federal, o BRB se destacou como líder no crédito habitacional no Distrito Federal, financiando quase 30 mil unidades de 2018 a 2023, totalizando mais de R$ 12,4 bilhões em crédito imobiliário.

A estratégia do banco, que ocupa a sexta posição nacional com um market share de 2,9%, foca em captações que possibilitam condições mais favoráveis, resultando em taxas competitivas. Operando por meio da caderneta de poupança e de depósitos judiciais, o BRB conquistou uma captação de R$ 45,4 bilhões em ativos.

Destacando uma parceria estratégica com o Clube de Regatas do Flamengo, que ampliou significativamente sua base de clientes para 7,3 milhões, o BRB consolidou sua presença em 93,0% dos municípios brasileiros, atingindo um público diversificado e fortalecendo sua posição no mercado.

José Carlos Martins, presidente do Conselho Consultivo da CBIC, enalteceu o BRB como um exemplo para outros bancos estatais, ressaltando sua capacidade de ocupar espaços relevantes mesmo sendo regional. O presidente Paulo Henrique foi elogiado por sua visão estratégica ao utilizar depósitos judiciais como funding auxiliar ao financiamento habitacional.

Eduardo Aroeira, vice-presidente Financeiro da CBIC, destacou o impacto social positivo do BRB, ressaltando sua gestão focada e a capacidade de atender a população em diversos estados. Aroeira enfatizou a importância de um banco público sem influências políticas, destacando seu papel crucial como fomentador da economia nas regiões em que atua.

O desafio lançado pelo BRB ao setor da construção foi amplamente apoiado. "Encontramos, através do BRB, uma nova forma de financiar habitação. É um novo funding, que ninguém tinha pensado", declarou um representante da CBIC, instando outros estados a seguir o exemplo inovador do presidente Paulo Henrique. A ideia é vista como uma alternativa promissora em meio à escassez de recursos na caderneta de poupança devido às altas taxas de juros.

A CBIC reconhece o BRB como um pioneiro na busca por soluções inovadoras, destacando seu papel vital na geração de empregos e bem-estar social por meio do fortalecimento do setor da construção civil. O exemplo do BRB, segundo a CBIC, pode servir como um modelo para outras instituições financeiras ligadas ao setor público, incentivando uma abordagem mais criativa e colaborativa para enfrentar os desafios do financiamento habitacional no Brasil.

Emerson Tormann

Técnico Industrial em Elétrica e Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Bio Caldo - Quit Alimentos
Canaã Telecom