Estresse pode provocar infarto? Entenda se isso é possível

A hipertensão arterial e doença coronariana são as principais doenças cardiológicas causadas ou relacionadas ao estresse


 

Chegou o fim do ano e a agenda está como? Confraternizações, compras, viagens, reuniões familiares – ou mesmo a falta disso – podem causar pressões psicológicas que afetam o bem-estar das pessoas e elevam o estresse mental ou emocional. Com isso, aumenta também a incidência de hipertensão, diabetes e outros fatores de risco para doenças cardiovasculares.

“Um estudo britânico que avaliou mais 280 mil pessoas verificou que os períodos de férias e feriados podem estar associados a um maior risco de acometimento por infarto”, afirma a dra. Débora Rodrigues, cardiologista e diretora técnica do hospital Encore, pertencente à Kora Saúde.

Nesse contexto, de acordo com a cardiologista, diversos fatores, incluindo-se atividades físicas mais intensas e maior consumo de sal, de álcool e de tabaco contribuem para o aumento dos fatores de risco de curto prazo.

No entanto, no atendimento hospitalar, nesta época do ano, isso não é o que mais chama a atenção, segundo a dra. Débora. “No hospital, o que mais chama a atenção é a piora ou a agudização de doenças cardiológicas pelo uso incorreto de medicações, porque muitos pacientes, no período de férias, mudam sua rotina e acabam se esquecendo de tomar seus medicamentos”, explica a diretora técnica do Encore.

 

Como o estresse age

“O estresse é uma condição que, cronicamente, está associada ao aumento das catecolaminas – que são um grupo de hormônios essenciais à resposta adrenérgica – e ao maior risco de doenças cardiovasculares, como demonstrado em várias publicações, especialmente nos últimos dez anos”, argumenta a cardiologista.

Em caso agudo, o estresse pode levar a súbito e intenso aumento de pressão arterial. Essa resposta do organismo pode ocorrer porque o sistema cardiovascular possui ampla adaptação ao estresse e, com isso, sofre as consequências quando a reação disfuncional é intensa.

 

Sintomas

De acordo com a dra. Débora Rodrigues, em condições de intenso estresse psicoemocional, algumas pessoas podem apresentar dor no peito. “Esse sintoma, muitas vezes, não pode ser diferenciado da dor torácica motivada por um infarto”, diz a médica.

Em outras vezes, ainda segundo ela, o intenso estresse pode ser o fator desencadeante de uma condição em que ocorre a contração espástica (hiperatividade involuntária) de um vaso sanguíneo do coração, resultando na Síndrome de Takotsubo, também conhecida por Síndrome do Coração Partido.

“Esta condição clínica tem repercussões, para o coração, semelhantes àquelas

produzidas pelo infarto”, explica a cardiologista.

Por isso, diante de uma dor torácica intensa ou nunca antes percebida pelo paciente, é imprescindível uma avaliação médica.

 

Tratamento

O stress psicoemocional que persiste, incomodando a pessoa, deve ser reconhecido, avaliado e tratado.

“A psicoterapia é uma aliada muito eficaz no tratamento e resulta em melhor qualidade de vida e saúde para as pessoas. Muitas vezes, a psicoterapia é negligenciada ou sua eficácia pouco difundida para a população”, afirma a dra. Débora Rodrigues.

Além disso, outras alternativas para melhorar o estresse são a prática de atividade física e a gestão do tempo fora do trabalho e das redes sociais, dedicando-se momentos aos relacionamentos com amigos e familiares. “Tudo que envolve o autocuidado é recomendado”, destaca a cardiologista.

 

Sobre a Kora Saúde

Um dos maiores grupos hospitalares do país, a Kora Saúde possui 17 hospitais espalhados pelo Brasil e está presente no Espírito Santo (Rede Meridional nas regiões de Cariacica, Vitória, Serra, Praia da Costa, em Vila Velha, e São Mateus); Ceará (Rede OTO, todos em Fortaleza); Tocantins (Medical Palmas e Santa Thereza na cidade de Palmas); Mato Grosso (Hospital São Mateus em Cuiabá); Goiás (Instituto de Neurologia de Goiânia e Hospital Encore); e Distrito Federal (Hospital Anchieta e Hospital São Francisco). O grupo possui mais de 2 mil leitos no país e 11 mil colaboradores. A Kora Saúde oferece um sistema de gestão inovador, parque tecnológico de ponta e alta qualidade hospitalar, com o compromisso de praticar medicina de excelência em todas as localidades onde está presente.

 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
GDF
Bio Caldo - Quit Alimentos
Canaã Telecom