-->

Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

404

Página não encontrada

Início

Gerir bem os recursos públicos e colocar estruturas existentes para funcionar de verdade diferenciam compromissos dele das promessas dos demais candidatos


O fato do deputado estadual e candidato a Prefeito de Luziânia Diego Sorgatto (DEM) ter conseguido junto ao Governo de Goiás a estadualização do Hospital Regional de Luziânia fez com que suas propostas para a Saúde, caso seja eleito prefeito da cidade no próximo dia 15 de novembro, repercutissem positivamente entre os eleitores do município desde o início da campanha eleitoral.

Para eleitores entrevistados em pesquisas qualitativas e para aqueles que participam de reuniões políticas, se as articulações conduzidas por Diego resultaram na reabertura e na retomada do funcionamento de um hospital cuja reforma estava paralisada há anos pela atual administração de Luziânia, então ele será capaz de executar compromissos como a implantação dos Mutirões da Saúde para zerar as filas de espera por atendimentos, exames e cirurgias de cataratas, entre outros. 

Complementa a iniciativa acima outra importante proposta de Diego, que é a instituição do “Terceiro Turno” da Saúde, visando alcançar aquelas pessoas que trabalham o dia todo e que poderão ir às consultas à noite. O candidato a prefeito também detalha a criação dos Multicentros – Especialistas e dos Multicentros – Exames, onde os pacientes terão, respectivamente, a oportunidade de se consultarem com médicos das mais diversas áreas e também de realizarem exames, tudo em um único espaço. Eleito prefeito, Diego irá instalar um Multicentro de cada tipo em Luziânia e no distrito do Jardim Ingá.

“Com a tecnologia de que dispomos hoje, é inaceitável que as pessoas passem a noite em filas para tentar garantir atendimento. É preciso melhorar esta situação, e rápido”, afirma o candidato, que já sabe bem qual a providência que rapidamente adotará após tomar posse. “Vamos colocar toda a estrutura física existente para funcionar, contratando mais médicos, comprando mais medicamentos e ofertando mais exames. Não adianta ter prédios sem profissionais. Tijolos e paredes não curam ninguém”, diz Diego. Ele acrescenta que todas as farmácias em unidades de saúde serão informatizadas para que não faltem mais remédios.

Sobre o Hospital Regional de Luziânia, que por ora funciona como Hospital de Campanha para tratamento de casos de Covid-19, Diego também diz já ter garantido junto ao governador Ronaldo Caiado que a atual estrutura, que conta inclusive com 20 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI), será mantida. “Além disso, teremos alas exclusivas para atender melhor os pacientes, como as de Pediatria, Ortopedia e Ginecologia, entre outras”, explica ele. 

Proposta de Diego para a saúde de Luziânia:
1. Criação do Plano de Erradicação de Dependência Química, estabelecendo convênio com entidades, inclusive religiosas: valor anual para ajudar a manter esse projeto, dando a oportunidade para atender milhares de pessoas; 
2. Estipulação do chamado 3º turno em unidades de saúde regionalizadas ou centralizadas, onde deverão funcionar 24 horas; 
3. Realização de “mutirões da saúde” para zerar a fila de atendimentos especializados em diversas áreas como oftalmologia, ginecologia, obstetrícia, entre outros; 
4. Construção do “Centro Especializado de atenção à Saúde da Mulher”, onde além de atendimento médico e realização de exames, também funcionará uma maternidade; 
5. Criação de uma central de ambulância visando facilitar o deslocamento dos enfermos residentes nos povoados, bem como adquirir veículos equipados para situações emergências; 
6. Promover melhorias da estrutura física, dos equipamentos e dos serviços nos Hospital Municipal do Jardim Ingá, garantindo atendimento preventivo de saúde a toda população que precisa; 
7. Programa de capacitação continua para profissionais atuantes na saúde visando à prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e cânceres comuns; 
8. Cursos intensivos para capacitação na atuação dos agentes de saúde e agentes de endemias; 
9. Colocar em efetivo funcionamento as unidades de saúde existentes no município, contratando servidores, modernizando os equipamentos e garantindo os insumos, para viabilizar o atendimento signo do usuário do sistema de saúde municipal; 
10. Construção do Hospital Veterinário Público.
Leave A Reply

Blog do Paulo Roberto Melo

[name=Blog do Paulo Melo] [img=https://2.bp.blogspot.com/-SMQa2r91n1w/WxcuM5dFiAI/AAAAAAAAHbE/-xMkvHecaMMxZr2u27V4lWwHMKY6IgyqgCK4BGAYYCw/s0/BLOG-DO-PAULO-MELO-ELEI%25C3%2587OES-2018.png] [description=Sou formado em Gestão Pública pela UCDB e Gestão Empresarial na UNIPLAN, já cursei Ciência Política na UDF, trancando no 3° período. Também cursei Ciências Contábeis na UPIS.Tenho pos graduação em Gerenciamento de Projetos pela Uniandrade e MBA em Marketing pela FGV..] (facebook=Facebook.com) (twitter=Twitter.com) (instagram=Instagram.com) (bloglovin=Blogvin.com) (pinterest=Pinterest.com) (tumblr=Tumblr.com)