Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display



404

Página não encontrada

Início

A CLDF homenageou o movimento Mães que Oram pelos Filhos em sessão solene na manhã desta quinta-feira (17) no auditório da Casa. O autor da iniciativa, deputado João Cardoso (Avante), destacou a importância da igreja, segmento que “leva à evangelização, à conversão e à salvação”. 

O parlamentar lembrou que o movimento católico surgiu em 2011 diante da necessidade de mães de interceder em favor dos filhos. Inicialmente, abarcava cerca de vinte mães que se reuniam uma vez por semana. Hoje, existem 578 grupos no Brasil, onze no exterior, além da atuação em escolas e hospitais. Cardoso relatou sua história familiar, atrelada à fé, que também se manifesta em celebrações religiosas domésticas com os filhos. “As mães são coparticipantes da criação dos filhos junto com Deus”, disse.

Uma das fundadoras do movimento no DF, Jacilda Oliveira, observou que a intenção do grupo é que cada mãe seja catequizada e se aproxime de Deus e da espiritualidade e, desse modo, se transforme em luz em seus lares. Em complemento, a coordenadora dos novos grupos em Brasília, Márcia Paula Silvéria, e a coordenadora do movimento no DF, Lilian Núbia Issa, explanaram sobre a atuação e a metodologia do movimento.  “Somos um exército de mães que oram e nos reunimos semanalmente para rezarmos os terços”, descreveu Issa, ao salientar que obediência, humildade e união são os tripés do segmento.

Poder da oração

Diversos paroquianos narraram suas experiências, como Lilian Maria Leal. “Nós, mães, enfrentamos muitas provações, ainda mais nesses tempos, mas somos capazes de suportar, assim como Maria, nossas próprias cruzes em espírito de oração”, declarou. Para Claudionice Custódia, a prática leva à restauração das famílias por meio da oração.

Semanalmente, são rezados terços que “curam os corações e as feridas”, reforçou. A rotina de orações foi enfatizada pela evangelizadora Brenda Rosa, ao acrescentar que as mães integrantes do movimento buscam edificações também nos ambientes sociais, no propósito que reúne realidades materiais e espirituais. 

O poder da oração foi exaltado pelos padres Roger Araújo e Paulo Renato, que lembrou a história da padroeira do movimento, Nossa Senhora de La Salete. Durante a solenidade, transmitida ao vivo pela TV Legislativa (canal 9.3) e YouTube, foram entoadas canções religiosas e entregues moções de louvor a integrantes do movimento no DF.

Leia Mais: Movimento Mães que Oram pelos Filhos


Crédito: Franci Moraes - Agência CLDF

Foto: Silvio Abdon/CLDF

Leave A Reply

DANNTEC ENGENHARIA