Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display



404

Página não encontrada

Início
Começa a ser emitido no Estado do Piauí, a partir desta quarta-feira (16), o Registro Geral Nacional de Identidade, o RG Digital. O Sistema de Identificação Único Digital terá centrais de emissão em Teresina inicialmente nos Espaços Cidadania do shopping Rio Poty e Show Auto Mall e sede do Instituto de Identificação, Floriano, Picos, Parnaíba, São Raimundo Nonato e Bom Jesus. No Brasil, somente Santa Catarina e o Piauí já estão oferecendo estes serviços



O projeto de Identificação 100% Digital busca instituir no Piauí o banco único de identificação civil dos cidadãos piauienses, através da informatização da emissão do RG.

De acordo com o diretor-geral da Agência de Tecnologia da Informação do Piauí (ATI), Antônio Torres, os principais ganhos estão na segurança do processo de emissão, sendo todas elas realizadas em sites de segurança, devidamente estruturados com cofres, guarda e controle de cédulas, profissionais vigilantes, maquinário de última geração, o que permite um maior número de emissões.

“Teremos a modernização e praticidade com assinatura e digitais realizadas através de captura ao vivo e impressão de imagens sem necessidade de as pessoas arcarem com custos extras, como por exemplo, o da foto 3X4, exigida anteriormente, ou sujar seus dedos com tinteiro”, explica Torres. A ATI vai operacionalizar o sistema para utilização pela Secretaria de Segurança Pública do Piauí (SSP-PI).



Como funcionará

A pessoa receberá, através de protocolo digital, uma notificação por e-mail, com link contendo a imagem de como ficará sua cédula oficial, o link ficará disponível para a visualização até a retirada do RG no posto físico ou, no máximo, 15 dias após a emissão – nesse caso, não se trata de RG Digital, mas uma imagem de como ficará a cédula, para que o cidadão possa visualizar.

A emissão da cédula é feita no mesmo dia – caso a solicitação seja feita pela manhã. De acordo com Antônio Torres, está previsto dentro do projeto Identificação 100% Digital que, futuramente, o cidadão terá à sua disposição um aplicativo para smartphone (IOS e Android), contando com autenticação através de certificado digital, QR CODE. Nesse caso, a pessoa poderá utilizá-lo como seu documento oficial.




Sistema integrado e mais seguro

Juarez Gonçalves de Carvalho, diretor do Instituto de Identificação, explica que a ideia do RG Digital é “a possibilidade de integração de nossa base com outra base, como a da Receita Federal e do Tribunal Superior Eleitoral. O Governo Federal irá implantar o Serviço de Identificação do Cidadão, o SIC. A partir do SIC, a integração do RG irá ocorrer com a base gov.br”, disse.
Foto: Divulgação.

Leave A Reply

DANNTEC ENGENHARIA