Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display





404

Página não encontrada

Início

Entre outras características, as matrizes da Topigs Norvin destacam-se pela facilidade de manejo e capacidade de desmamar mais de 38 leitões anualmente



A habilidade materna e a capacidade de desmamar leitões mais pesados e uniformes tem sido um trabalho constante no melhoramento genético. A busca é pela junção da alta prolificidade com uma alta eficiência alimentar. Outro ponto de desenvolvimento é a capacidade de amamentar todos seus leitões devido ao elevado número de tetos das matrizes além da excelente qualidade do aparelho mamário.

Estes tem sido alguns diferenciais apresentados pela TN70, da Topigs Norsvin. Outro ponto positivo desta matriz é a facilidade de manejo,  a diminuição da necessidade de mães de leite no plantel, trazendo bem-estar aos leitões e menos trabalho para o suinocultor.

De acordo com a Gerente de Genética para América Latina da Topigs Norsvin, Mariana Piatto Berton, devido à excelente eficiência alimentar de sua progênie, a TN70 também contribui para a redução de custos de produção e a melhoria da sustentabilidade da atividade. “As fêmeas TN70 tem o comprovado potencial genético para desmamar mais de 38 leitões por ano, sendo todos leitões mais pesados, mais uniformes e mais eficientes. Isso resulta em maior produtividade, eficiência do sistema como um todo e maior rentabilidade para o suinocultor”, ressalta.

Ela aponta que outra grande vantagem para o suinocultor é a robustez da TN70, o que acarreta menores gastos com medicamentos e maior longevidade da matriz no plantel. “As taxas de mortalidade de matrizes Topigs Norsvin são muito abaixo das médias nacionais e essa robustez faz com que essa linhagem não sofra com altas taxas de prolapso, como tem se observado no mercado em outras linhagens. E por fim, com a TN70, o suinocultor terá uma fêmea dócil, trazendo facilidade no manejo das matrizes”, afirma.

 

A importância da habilidade materna da matriz

A habilidade materna é a capacidade do animal em cuidar da própria cria. Segundo Mariana Piatto Berton, a TN70 é capaz de amamentar e cuidar de seus leitões para que o suinocultor obtenha um grande número leitões fortes e vigorosos ao desmame. “Essa matriz apresenta um grande número de tetos e uma elevada produção de leite que permite o desmame de leitões pesados e uniformes. Além disso, a TN70 é uma fêmea muito cuidadosa com sua prole, o que reduz a mortalidade na maternidade por esmagamento, por exemplo”, detalha.

As TN70 são matrizes de temperamento calmo e de fácil manejo, adaptando-se bem em sistemas de gestação em baias coletivas, caminho atual na criação de suínos de acordo com as normativas de bem-estar animal como a instrução normativa 113. “Como mencionado anteriormente, outro fator que acarreta maior bem-estar animal é o fato da TN70 ter tetos suficientes para amamentar todos os seus leitões e com isso não se faz necessário um intenso manejo de leitegada e adoção de mães de leite, evitando esse estresse aos leitões. Sua robustez faz com que a taxa de mortalidade de fêmeas seja baixa”, ressalta.

 

Impacto em sustentabilidade

O aumento da eficiência alimentar significa uma redução na quantidade de ração para ganhar 1 quilo de peso vivo. E é exatamente isso que a TN70 transmite para sua progênie, como explica Mariana. “Os filhos da TN70 estão em constante evolução e se tornam ainda mais eficientes a cada geração, necessitando de menos ração para ganhar a mesma quantidade de peso durante todas as fases de produção. Isso também significa que esses animais estão aproveitando melhor todos os nutrientes disponíveis na ração, incluindo cálcio e fósforo que, quando não tratados devidamente, podem causar impactos ambientais negativos. Essa melhor utilização de todos os nutrientes impacta diretamente na sustentabilidade da atividade”, finaliza.



Sobre a Topigs Norsvin

A empresa de genética suína Topigs Norsvin é reconhecida por sua abordagem inovadora na implementação de novas tecnologias e pelo seu foco contínuo na produção de suínos com a melhor relação custo-benefício possível.

Com uma produção de 11 milhões de doses sêmen/ano, a melhoria contínua e fortalecimento dos produtos permitem que os clientes da Topigs Norsvin obtenham um valor agregado significativo em sua produção. O melhoramento genético da Topigs Norsvin baseia-se em dois pilares fundamentais: sustentabilidade e eficiência, que se traduzem em um programa de genética balanceado e eficiência total na alimentação.

Pesquisa, inovação e disseminação de melhorias genéticas são os pilares da empresa, que investe 22,5 milhões de euros em P&D ao ano.

Mais informações: www.topigsnorsvin.com.br

Leave A Reply

DANNTEC ENGENHARIA