Educação e juventude foram pilares da atuação de Delmasso

Delmasso é autor da proposta de concessão de auxílio financeiro aos jovens com idade entre 18 a 29 anos, desempregados e em situação de vulnerabilidade social


Foto: Carlos Gandra/CLDF

A educação juvenil é um dos principais focos da atuação legislativa do deputado Delmasso (Republicanos), como a proposta que cria cursinhos preparatórios gratuitos. Segundo o parlamentar, o programa Mais que Vencedor é fruto do convênio entre a Secretaria de Juventude e o Serviço Social da Indústria do DF (Sesi-DF) com o objetivo de preparar pessoas de 15 a 29 anos para provas de acesso ao ensino superior como vestibulares, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e o Programa de Avaliação Seriada (PAS).

O programa é executado por meio da destinação de emendas do deputado. “A ideia de implantação do Mais que Vencedor é dar prioridade aos alunos que estudaram em escolas públicas, de baixa renda e residentes no DF, a fim de tornar a disputa pelo ensino superior mais justa”, pondera

Delmasso também é autor da proposta de concessão de auxílio financeiro aos jovens com idade entre 18 a 29 anos, desempregados e em situação de vulnerabilidade social. “A juventude da nossa cidade precisa de atenção, é necessário investir e gerar oportunidades. Nosso objetivo é dar protagonismo para que nossos jovens alcancem seus objetivos”, enfatiza o parlamentar.

Com a mesma intenção, o parlamentar defende o Programa Bolsa Universitária, de forma a democratizar o acesso da população de baixa renda ao ensino superior.

“A proposta se destaca pelo grande alcance social e educacional para complementar as ações desenvolvidas pelo Poder Público voltadas para o enfrentamento das desigualdades, propiciando aos estudantes que não têm condições financeiras de custear suas mensalidades a chance de ingressar e concluir um curso de nível superior”.

Por meio das proposições legislativas, o deputado Delmasso aposta na educação como meio de transformação. “Vejo os jovens com um imenso potencial e sem condições de estudar e se formar. São sonhos que morrem pela falta de oportunidade e nós podemos mudar essa realidade”, acredita.

Parlamentar desde 2015, Delmasso foi vice-presidente da CLDF durante os biênios 2019-2020 e 2021-2022.

Paulo Melo

"Não viva para que a sua presença seja notada, mas para que a sua falta seja sentida." (Bob Marley)

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Canaã Telecom